Grupo Italmagnésio Nordeste doa duas fazendas para implantação do Projeto Fazenda da Esperança em Várzea da Palma

 

Publicado em: 21/09/2010 13:40

Whatsapp

 

Realizou-se no dia 17.09, às 19:00 hs no plenário da Câmara Municipal a sessão solene para entrega das escrituras de duas fazendas, doadas pelo Sr. Giuseppe Trincanato, diretor Presidente do Grupo Italmagnésio Nordeste para implantação de duas unidades do Projeto Fazenda da Esperança. Entre as autoridades presentes registramos a presença do Dep. Estadual Paulo Guedes, Prefeito de Lassance Dr. Idson Fernandes Brito, Dr. Douglas representante da OAB, Sra Angelina Azevedo, representando o Conselho Tutelar, Vereadores Edmar Pereira, Jairo Fraga e Robson Gomes, Tenente Éder Canabrava, Comandante do Pelotão da PM. Na oportunidade, o Sr. Trincanato foi representado pelo Sr. Abele Travaglia e a Fazenda da Esperança pelo Sr. Elio Lenza Vieira. O Sr. Abele falou em nome da empresa, ressaltando que além da doação das propriedades o Grupo Italmagnésio construirá a infraestrutura necessária a implantação do projeto. O Sr. Elio Lenza, representando Frei Hans Stapel, criador do projeto, apresentou um slide com filmagens das atividades realizadas em diversas unidades da Fazenda da Esperança no Brasil e em outros paises. Diversos oradores fizeram uso da palavra, enaltecendo o fato e elogiando a atitude do Presidente do Grupo Italmagnésio como uma ação magnânima de elevado alcance social e humanitário, em prol da recuperação dos dependentes químicos de toda natureza em Várzea da Palma e região. Dr. Idson Fernandes Brito, médico e Prefeito de Lassance, apresentou estatísticas estarrecedoras do avanço do crack em sua cidade e na região, dizendo que o avanço das drogas entre os jovens já é uma calamidade pública e precisa ser tratado com coragem e determinação pelas autoridades. O Presidente da Câmara Sr. Ataides Ribeiro lembrou que o Governo Municipal se omite e nada faz em prol do bem estar da população, enaltecendo a atitude do Sr. Trincanato e parabenizando-o pelo alto espírito humanitário e compromisso social com a população de Várzea da Palma. Lembrou que para que o Projeto obtenha sucesso, é preciso que toda a sociedade varzeapalmense abrace esta causa e apóie de todas as formas. Disse que se não houver a participação dos diversos segmentos da sociedade, parcerias e doação, o projeto poderá acabar como muitos outros que não saíram do papel. A Irmã Gesmira encerrou a reunião com a Oração do Pai Nosso, com a participação de todos os convidados e presentes ao evento e a empresa ofereceu um coquetel de confraternização.